top of page
Buscar

Celebração Visibilidade Trans.

Painel: CGU reverte demissão de professora trans por instituto no CE



A CGU (Controladoria-Geral da União) anulou o processo administrativo disciplinar que resultou na demissão de Êmy Virgínia Oliveira da Costa pelo Instituto Federal do Ceará e determinou que a docente seja reincorporada pela instituição de ensino. Ela também deverá receber remuneração retroativa e corrigida.


A CGU (Controladoria-Geral da União) anulou o processo administrativo disciplinar que resultou na demissão de Êmy Virgínia Oliveira da Costa pelo Instituto Federal do Ceará e determinou que a docente seja reincorporada pela instituição de ensino. Ela também deverá receber remuneração retroativa e corrigida.


Opmerkingen


bottom of page